Posts Tagged ‘censura’

De casa nova e provisória

09/09/2009

Continuo sem maiores informações do WordPress. Porém, aconselhado por pessoas mais experientes acatei a notificação e transferi o blog para esse novo domínio, encerrando as atividades no antigo.

Uma amiga jornalista nos EUA está tentando obter algo mais concreto deles. Também tenho insistido nos contatos via e-mail.

O fato é que venho escrevendo há 3 meses, e só agora, depois de uma revista internacional mencionar o blog e a polêmica do blog clone do planalto ter tomado corpo é que chega essa notificação. Muita coincidência. Pra piorar, o destino colocou como “deadline” do antigo blog a data da comemoração da nossa independência.

A vida continua, mas confesso que um pouco menos colorida.

Manifestação Fora Sarney em São Paulo

08/09/2009

Lindo dia de sol em São Paulo nessa segunda-feira de feriadão da Independência. O pessoal, apesar da cidade estar vazia (sol+feriado), se mobilizou e produziu um lindo retrato de cidadania. Foto do http://blogsergio.com

Movimentos começam com 100, passam para 1000 e logo formam multidões.

Movimentos começam com 100, passam para 1000 e logo formam multidões.

07/09/2009

000 Censurado

Caros e caras, recebi na tarde de ontem um curto comunicado do WordPress via e-mail solicitando, em prazo de 24 horas, a remoção de todo e qualquer logotipo ou imagem da Petrobras e a mudança da minha URL “petrobrasdadosefatos”, pois, segundo o comunicado, estaria  essa causando confusão com o “petrobrasfatosedados” (Mas essa era a intenção oras! Uma companhia bilionária quer ter exclusividade com um domínio gerado em serviço gratuito?!).

Nesse momento percebi que meu blog estava totalmente bloqueado, e que não era mais possível postar nem alterar conteúdos, nada. Por isso coloquei um comentário avisando da censura que estava sofrendo, pois a ferramenta de moderação de comentários continuou ativa.

Estranhei tal comunicado curto, sem maiores explicações e solicitei um detalhamento do por quê dessas imposições, e se havia pressão ou alguma ação formal por parte da Petrobras. Recebi como resposta apenas alguns detalhamentos técnicos que também indaguei, nada sobre o motivo. Muito estranho.

Hoje, novamente, enviei os mesmos questionamentos, incluindo se haverá a possibilidade de um “linkamento” direto entre a minha atual URL e uma nova, caso essa seja realmente congelada. Ainda não obtive resposta. O blog, porém, voltou ao normal, por isso estou postando esse texto.

Não quero criar problemas para o WordPress, que presta um ótimo serviço gratuíto, e aceito qualquer solicitação caso seja necessário. Gostaria apenas de saber exatamente o que está ocorrendo. Claro que pelo teor do comunicado inicial, existe pressão da Petrobras para que esse blog se cale, mude, perca-se.

Enfim, hoje estou cobrindo todas as imagens da empresa, conforme solicitado. Estou colocando tarja preta de censura. Já criei um novo URL cujo endereço deixo aqui como segurança caso deletem o atual, anotem aí: http://petrobrasilfatosedados.wordpress.com/

Vamos aguardar novas comunicações ou ações. Aproveito para agradecer todas as mensagens de apoio que esse blog vem recebendo. É um estímulo diante de um fato tão deprimente. Valeu pessoal!

Movimento Fora Sarney

22/08/2009

Nesse sábado (22/08) acontecerá em todo Brasil passeatas e manifestações de cidadãos insatisfeitos com a pizza do caso Sarney no senado federal, protestando contra a pemanência do senador maranhense do Amapá na presidência da casa.

Se você estiver disposto a contribuir com um movimento pró-cidadania, PARTICIPE, faça a diferença!

José Sarney representa o atraso, um Brasil arcaico que queremos enterrar

José Sarney representa o atraso, um Brasil arcaico que queremos enterrar

 

Para saber sobre locais e horários em outras cidades, consulte a comunidade do Orkut Fora Sarney.

De cara nova e alma velha

08/07/2009
blog da petrobras: O antigo e o novo

blog da petrobras: O antigo e o novo

A Petrobras finalmente profissionalizou seu blog, colocando-o em domínio próprio, registrado no Brasil. O novo endereço (www.blogspetrobras.com.br/fatosedados/) é oficialmente responsabilidade da Petróleo Brasileiro S/A e pode ser consultado na página do CGI-Br. O endereço anterior, bem, aquele poderia virar propriedade até do Francenildo.

Eu não sou contra o uso de ferramentas abertas, como o WordPress, para fins corporativos, mas o domínio tem que ter um dono transparente, cristalino, ainda mais se tratando de empresa de economia mista, alvo de investigações sobre aparelhamento de partidos e grupos políticos.

Esse assunto foi tratado aqui em alguns posts, porém de maneira superficial. O mais importante, talvez, seria lembrar que o blog da Petrobras estava totalmente aparelhado por comentaristas partidários do atual governo, e quem postasse comentários discordantes desses estava sendo sistematicamente censurado. Isso levantou dúvidas se a empresa realmente tinha total conhecimento sobre o que se praticava no blog, e se teria, caso precisasse, condições de futuramente levantar todos esses dados em arquivo para averiguar possíveis falhas de procedimento, inclusive com punições.

Estando o blog fora do país, a busca desses dados, caso não houvesse back-ups em território nacional, obedeceria a critérios de terceiros, tendo ainda a dificuldade adicional de acatar legislação diferente da brasileira. Não me refiro ao conteúdo público, pois esse está a um clique de ser copiado e verificado, mas dos dados gerais que um website armazena a cada visita de um internauta. Ips, nomes, e-mails, URLs, além de todo o conteúdo rejeitado é material gerado e arquivado em algum lugar. Do jeito que estava, abriria até a possibilidade de alegar que o blog estava em nome do João, e que o João, hã… hum… sumiu com os dados! Hehehehe.

Agora, com o blog utilizando domínio próprio e brasileiro, ao menos temos o nome Petrobras oficialmente responsabilizado pelo conteúdo do mesmo. Espero que exista também uma política bem clara sobre o armazenamento de todos os dados ali gerados. A maneira correta, no meu entendimento, de fazer algo do gênero.

Enfim, disso tudo tiramos algumas conclusões: Como mudaram, é sinal que as broncas da blogosfera surtiram efeito. Como precisaram mudar, e em tão pouco tempo, é sinal que foi feito às pressas, sem planejamento. Vamos continuar questionando, entretanto, a censura que parece ainda vigorar por aquelas bandas.